De acordo com o jornal Giro, o Painel de Obras ou Paralisadas do Tribunal de Contas mostra que a construção da Escola Proinfância Tipo II, na avenida Jatobá, na Vila Veloso, em Carapicuíba, está paralisada. No entanto, a atual prefeitura informa que as obras estão em andamento. Além disso, a nova unidade será assistida pelo Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE).

Descritivo do projeto Proinfância 2 em Carapicuíba (Foto: Site FNDE)

O motivo da paralisia da obra apontado é um problema ambiental posterior à primeira licitação. Segundo o painel, não houve interesse por parte da contratada, a Tecla Construções, em firmar novo aditivo de prazo, o que tornou inviável a possibilidade de dar prosseguimento na construção da unidade escolar naquela oportunidade.

A construção da escola havia sido iniciada na gestão anterior.

Pelos serviços preliminares e a instalação do canteiro de obras, foram pagos pela administração anterior à empresa R$ 44.174,43 (o valor inicial do contrato era de R$ 1.291.935,03). 

Mesmo assim, a obra foi paralisada e foi preciso uma nova licitação. Segundo a prefeitura, em 2018, de acordo com os estudos realizados no local pela equipe técnica, foram detectadas divergências para o licenciamento ambiental e, como consequência, as obras foram paralisadas.

Agora, ainda segundo a administração atual, as obras da nova escola estão em andamento.

A escola vai beneficiar cerca de 200 alunos nos períodos matutino e vespertino, por meio de assistência técnica e financeira do FNDE. 

As escolas do Projeto Proinfância Tipo 2 têm capacidade de atendimento de até 188 crianças, em dois turnos (matutino e vespertino), ou 94 crianças em período integral. Foi considerada como ideal a implantação das escolas do Tipo 2 em terreno retangular com medidas de 45 m de largura por 35 m de profundidade e declividade máxima de 3%.

A prefeitura não informou prazo de entrega e inauguração da obra. 

Com informações de Giro

Comentarios

Comentarios