A cidade de Carapicuíba é um dos municípios que carece de modernização climática em seus coletivos, principalmente os que operam as linhas municipais, isso continua sendo um grande impasse na cidade, pois as empresas que operam na cidade, dizem que há falta de subsídios para comprar coletivos climatizados. Um problema que já desde um tempo tem sido um dos grandes impasses na cidade.

De fato, a pandemia e a quebra brusca na economia, são um dos vilões da crise que continua cerceando não só a cidade, mas todo o país tendo falta de escassez e recursos. O ano de 2021 promete não ser um dos melhores, principalmente pela crise, aumento de preços e a possibilidade de paralização de todo o comércio.

Com relação a possibilidade de coletivos climatizados nas linhas municipais, existe uma possibilidade e alguns coletivos serem entregues a empresa ETT Carapicuíba. Isso porque a Radial (grupo do qual a ETT faz parte), comprou 50 novos coletivos, todos com ar-condicionado, uma parte deles pode vir para a Empresa de Transportes e Turismo (ETT), os coletivos vem do Espírito Santo (ES), coletivos com carroceria da Marcopolo e chassi e motor da Volkswagen.

Atualmente a única empresa que opera em Carapicuíba e tem bastante ônibus coletivos é a Viação Osasco. A empresa opera as linhas que vão para a Vila Yara e Pinheiros, saindo da Vila Dirce, do Ariston e da Vila Menck.

Fonte – Linhas Metropolitanas | Imagem – Felipe Andreata