Nesta quinta-feira (25) o novo prédio do Fórum da Comarca de Barueri foi inaugurado e teve a presença de autoridades locais e estaduais. Com uma estrutura moderna, o equipamento foi projetado para facilitar o atendimento da população e que acolherá os magistrados com eficiência e aporte.  

A instalação que abrigará cerca de 200 funcionários e 14 juízes torna a cidade de Barueri referência no estado  com a melhor infraestrutura judiciária. 

O presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo, Manoel de Queiroz Pereira Calças, declarou que não há entre as 320 comarcas nenhum fórum que apresente a mesma qualidade arquitetônica.

“O tribunal de justiça sente-se muito honrado e orgulhoso por receber de Barueri uma joia arquitetônica, com um potencial tecnológico, com observância das regras mais sofisticadas de conforto que serão dadas à população”, declarou o desembargador. 

Já para o secretário de Justiça do Estado de São Paulo, Paulo Dimas, que representou o governador do estado, João Dória, o prédio representa uma conquista para a cidadania.

“O que é mais caro para o cidadão é o direito à justiça, então ele precisa ter condições e ter acesso a essa justiça. Um fórum representa um espaço de cidadania. Estamos inaugurando hoje o fórum mais moderno do estado e feito por pessoas que acreditam na justiça”, destacou o secretário.

O prefeito de Barueri, Rubens Furlan, reafirmou o compromisso com a instalação de novas varas no local, e assim ampliar os serviços prestados pelo poder judiciário no município.

“O presidente Manoel de Queirós nos recebeu de uma forma extraordinária. Eu garanto que as reivindicações que fizemos, junto com os nossos juízes, vão ser atendidas, e demonstrou que lutará junto conosco para que a gente possa ter duas Varas da Família e uma Vara Criminal”, declarou o prefeito.

Lourivaldo Fio / Secom

A juíza da 5ª Vara Cívil e diretora do Fórum, Anelise Soares, diz a importância que o novo espaço dá para acessibilidade.

“Esse fórum é capaz de acolher, abrigar e atender todos que precisarem do judiciário. Ele tem acessibilidade que atenderá também os nossos funcionários com deficiência. É um sopro de renovação. Acolhe tanto a população quanto os nossos magistrados. É um grande prazer trabalhar em um ambiente tão bem construído e tão agradável como este”, comemora a juíza.

Comentarios

Comentarios