Inaugurado no dia 16/08, o Terminal Metropolitano do Km 21 recebeu o nome do ilustre Luiz Bortolosso, um dos moradores mais antigos do bairro Quitaúna.

De família Italiana – seu pai chegou ao país em 1920, oriundo da Província de Venezia, Comune de Cintocalmaggiore – Luiz Bortolosso nasceu em Itatiba-SP, em 25 de agosto de 1921. Mudou-se com seus pais aos dois anos de idade para Osasco, na ocasião, ainda bairro periférico da Capital, indo residir na antiga Rua da Carteira, atual Av. Narciso Sturlini. Mudou-se aos 20 anos para o bairro de Quitaúna, onde ficou por mais de sessenta anos.

Trabalhou por 37 anos no Frigorifico Wilson, onde se aposentou. Foi membro  ativo da Igreja Presbiteriana de Quitaúna, atuando por vários anos como Diácono.

Luiz Bortolosso foi pessoa de destaque na emancipação do município de Osasco. Em toda sua permanência em Quitaúna, sempre atuou em favor dos menos favorecidos. Por ser bairro periférico, a região era muito carente de serviços públicos e o Sr. Luiz sempre ajudou a comunidade em suas demandas, quer seja no transporte, habitação, saúde, além da importante orientação religiosa através de seu trabalho da Igreja Presbiteriana.

Foi casado com Leonil Cre Bortolosso. Deixou oito filhos, Pedro, Silas, Paulo, Luiz, Adolfo, Raquel, Rute e Cláudia. Entre os filhos, Silas Bortolosso, que foi vereador por dois  mandatos, secretário municipal e prefeito de Osasco, entre os anos de 1997 e 2000. Deixou ainda quatro noras, 16 netos e 18 bisnetos.

Silas Bortolosso, ex-prefeito de Osasco e filho do Sr. Luiz Bortolosso (Reprodução: Youtube)

Patriarca de tradicional família osasquense, Luiz Bortolosso sempre primou pela ajuda ao próximo e em toda sua existência fez jus à simpatia e gratidão da comunidade do Bairro de Quitaúna.

Faleceu em 22 de março de  2004 aos 83 anos.

*Texto retirado do PROJETO DE LEI Nº 531, DE 2016, do então deputado estadual Celso Giglio, que faleceu em 11 de julho de 2017.

**Fotos retiradas do site Hagop Garagem.com. Disponível em: http://www.hagopgaragem.com/osasco_foto_aerea.html

 

Comentarios

Comentarios

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here