Doria anuncia vacina para adolescentes entre 12 e 17 anos e antecipa vacinação das demais idades

Novo cronograma prevê aplicação da primeira dose em toda a população com 18 anos ou mais até 20 de agosto.

Em coletiva de imprensa extraordinária neste domingo, 11 de julho de 2021, o governador de São Paulo, João Doria, anunciou a antecipação na data da aplicação da primeira dose da vacina contra o coronavirus e a aplicação também de vacina para adolescentes com idade entre 12 a 17 anos.

O novo cronograma segundo o governador é possível devido a compra adicional de doses de CoronaVac junto ao laboratório chinês Sinovac.

Um total de 4 milhões de doses que serão entregues até o final deste mês, com parte já entregue e uma outra parte deste pacote de vacinas que chega nesta terça (13).

A aplicação da vacina para os adolescentes com idade entre 12 e 17 anos acontecera entre 23 de agosto até 30 de setembro, em três fases.

A primeira fase acontece entre 23 de agosto e 5 de setembro contemplando jovens de 12 a 17 anos com comorbidades, deficiência e mulheres gestantes. A segunda etapa será entre 6 a 19 de setembro para idades entre 15 a 17 anos em geral. Já a terceira e última fase será de.20 a 30 setembro para idades de 12 a 14 anos em geral.

A vacina destinada a este novo grupo será exclusivamente a vacina da Pfizer, uma vez que é a única comprovadamente em eficácia para essas pessoas.

Já crianças de até 12 anos, a chamada população pediátrica é necessário um trabalho de segurança e eficácia conforme afirmou o secretário Estadual de Saúde, Jean Gorinchteyn e ainda está sem data.

Veja abaixo o novo calendário atualizado:

* 8 a 14 de julho – 37 a 39 anos;
* 15 a 18 de julho – 36 e 35 anos;
* 19 de julho a 4 de agosto – de 30 a 34 anos;
* 5 a 12 de agosto – de 25 a 29 anos;
* 13 a 20 de agosto – de 18 a 24 anos;
23 de agosto a 5 de setembro – 12 a 17 anos com deficiencia, comorbidades e gestantes;
6 a 19 de setembro – 15 a 17 anos;
* 20 a 30 de setembro – 12 a 14 anos.

12anos17 anosadolescentesantecipaanunciaDoriaVacinavacinação