A Câmara Municipal de Carapicuíba aprovou, em segunda discussão, nessa terça-feira (25), o Projeto de Lei n° 2.415/2018, que proíbe a comercialização e a distribuição de canudos de plástico, utilizados para ingestão de bebidas, em bares, restaurantes e eventos. Tal material deverá ser substituído por canudos feitos de material biodegradáveis, como papel, bambu, macarrão ou vidro reciclável.

A medida vem sendo adotada por diversas cidades do país, como Santos e Rio de Janeiro. De acordo com o documento, que agora segue para análise do prefeito, os canudos representam hoje 4% de todo o lixo plástico do mundo. Por não ser biodegradáveis, levam até 400 anos para se decompor no meio ambiente.

Comentarios

Comentarios