Este ano, os alunos das escolas da rede de ensino de Barueri se destacaram como os melhores de toda a região, com excelentes resultados na Olimpíada Brasileira de Matemática das Escolas Públicas (Obmep), que nesta edição também contou com a participação de escolas particulares em todo o Brasil.

A medalha de ouro ficou para a Emef Gilberto Florêncio, da Vila Morellato. A aluna Stephany Nunes de Souza, do nono ano, conquistou a premiação máxima da competição e é uma das alunas mais dedicadas da escola.

De acordo com a professora de matemática, Andréia Lessandra, a estudante é participativa e muito estudiosa. “Ela é merecedora da medalha de ouro, pois é uma excelente aluna”, testemunhou a professora. A escola também conquistou duas medalhas de bronze, com os estudantes dos oitavos anos Everton Gustavo Amaral e Rodrigo Brandão Cardoso.

Barueri tem ótimos alunos em matemática em toda a rede de ensino
Crédito: Suseli Honório / Secom

Confirmando o nível de excelência das escolas de Barueri, este ano o município foi recordista no número de medalhas da competição, que é considerada uma das mais importantes do país. Barueri conquistou oito medalhas de prata, 33 de bronze e 256 menções honrosas. Muito expressivo, o número é a melhor marca já vista em Barueri.

De acordo com o secretário de Educação, Celso Furlan, esta conquista é motivo de muita satisfação. “Receber um ouro da Obmep após os resultados negativos em matemática no Ideb de 2015, significa esperança em nossos professores e em nossos alunos. Estamos caminhando, os primeiros passos foram dados e juntos iremos longe”, explicou o secretário.

Além dos estudantes premiados, a rede também comemora o destaque para a professora de matemática Cristiane Caldeira Mendes dos Santos, da Emef Renato Rosa, que também conquistou uma medalha de prata e seis menções honrosas.

___