Em 30 de abril de 1991, a então prefeita de São Paulo, Luiza Erundina, acionou o botão de detonadores que implodiram 9 prédios, com um total de 360 apartamentos em Carapicuíba.

O Conjunto Habitacional Castelo Branco, foi construído no inicio da década de 80, pela Cohab – Companhia metropolitana de Habitação de São Paulo – durante a gestão do ex prefeito Reynaldo de Barros.

Os prédios de gesso, como ficaram conhecidos na época , foram condenados pelo IPT- Instituto de Pesquisas Tecnológicas. Levantados com a mistura de gesso e cimento, as edificações derreteram com o tempo.

Parte das fundações resistiram a implosão e foi removida com tratores e maquinas pesadas.

Trecho retirado do livro – O governo Luiza Erundina: cronologia de quatro anos de administração do PT na Cidade de São Paulo.